Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias / 11º Encontro em Defesa e Valorização da Mulher vai debater os 12 anos da Lei Maria da Penha

11º Encontro em Defesa e Valorização da Mulher vai debater os 12 anos da Lei Maria da Penha

por Marcos Teixeira Wanderley publicado 27/08/2018 17h15, última modificação 27/08/2018 17h15

Com o tema “Doze anos da Lei Maria da Penha: O que mudou?” a Câmara Municipal realizará, na próxima quinta-feira, 30 de agosto, às 18h30, no novo auditório da Faculdade Estácio de Sá, no Shopping Estação Goiânia, no Centro, a décima-primeira edição do Encontro em Defesa e Valorização da Mulher da campanha “Não Vai Ter Psiu!” e projeto “Semeando a Paz.”

“A Lei Maria da Penha é importantíssima, ela visa proteger a mulher vítima de violência doméstica e familiar física, sexual, psicológica, moral e patrimonial e proporcionar amparo legal, condições de restabelecimento das vítimas e medidas protetivas de urgência, dente outras atribuições e possibilidades. Vamos analisar o que mudou no País depois dessa legislação e lançar um olhar crítico sobre o que ainda pode ser aprimorado”, destaca o presidente da Câmara, vereador Andrey Azeredo (MDB), idealizador da campanha “Não Vai Ter Psiu!”, instituída por ele em 1º de março de 2017 no Legislativo goianiense.

Especialistas na teoria e na prática

O 11º Encontro em Defesa e Valorização da Mulher contará com o formato dinâmico de roda de conversas com especialistas abordando diferentes ângulos dos assuntos propostos e tirando as dúvidas da platéia. A mediadora será a advogada licenciada Ilma Araújo, servidora pública estadual, professora universitária e presidente da Associação Projeto Semeando a Paz.

As debatedoras serão a comandante da Patrulha Maria da Penha em Goiânia, tenente Dayse Pereira, a assistente social do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), mestre em História e co-idealizadora e organizadora do Grupo de Estudos Coletivo “Em nome Delas”, Sherloma Starlet Aires, e a perita criminal da Polícia Científica (GO), mestranda e pesquisadora pela Universidade Federal de Goiás (UFG), também criadora e organizadora do Grupo “Em Nome Delas”, Gyzele Cristina Xavier.

Não Vai Ter Psiu!

A campanha “Não Vai Ter Psiu!” é suprapartidária, voltada para a Região Metropolitana de Goiânia e foi criada com o objetivo de combater todas as formas de violência e assédio às mulheres. Em 2017, primeiro ano da mobilização, foram realizados sete Encontros, cinco na Capital e dois em Aparecida de Goiânia. A partir do segundo evento foi firmada parceria permanente com o projeto Semeando a Paz (idealizado pelas professoras universitárias Ilma Araújo e Neusa Valadares).

“Depois da Lei Maria da Penha foi ampliado no País o debate sobre a violência doméstica e a violência contra a mulher, mas ainda há muito a se fazer, muitos conceitos a serem mudados, muitos silêncios a serem rompidos e muita união entre a sociedade organizada e o Poder Público para a efetivação de políticas educacionais, de uma rede eficiente de amparo às vítimas e de punição para os criminosos, dentre outras medidas fundamentais,” ressalta Andrey Azeredo.

Serviço:

Evento: 11º Encontro em Defesa e Valorização da Mulher da campanha “Não Vai Ter Psiu!” e projeto Semeando a Paz
Tema: “Doze Anos da Lei Maria da Penha: O que mudou?”
Realização: Câmara Municipal de Goiânia
Apoio: Faculdade Estácio de Sá
Data: quinta- feira, 30 de agosto de 2018
Horário: 18h30
Local: Novo Auditório da Faculdade Estácio de Sá
Endereço: Avenida Goiás, n° 2151, Setor Central, 1º andar do Shopping Estação Goiânia.

 

Texto produzido pela assessora Polliana Martins

registrado em: