Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias / Câmara derruba veto a projeto que garante abastecimento de água em áreas de ocupação

Câmara derruba veto a projeto que garante abastecimento de água em áreas de ocupação

por Heloiza Amaral Nogueira publicado 14/02/2019 12h10, última modificação 14/02/2019 16h25

A Câmara Municipal de Goiânia derrubou, nesta quinta-feira, 14, por 19 votos a 10, veto do prefeito Iris Rezende (MDB) a projeto de lei de autoria da vereadora Tatiana Lemos (PC do B) que autoriza o Poder Executivo Municipal a estabelecer convênio com o Governo do Estado de Goiás, por meio da Saneago, para reconhecer a titularidade dos proprietários de residências em áreas de ocupação, para acesso ao abastecimento de água. O prefeito vetou os artigos 5, 6 e 7 do projeto, alegando não ser de competência da Câmara legislar sobre o assunto.

De acordo com Tatiana, o projeto surgiu depois que a Enel retirou postes de um bairro de Aparecida de Goiânia, com a justificativa de que não havia regularização das moradias. Segundo Tatiana, a ideia é se antecipar e evitar que a Saneago faça o mesmo na capital, sobretudo porque a interrupção no fornecimento de água pode causar problemas de saúde aos moradores. “São serviços básicos e essenciais e a população paga por eles. Interromper o fornecimento de água devido à irregularidade dos bairros seria desumano”, destaca. (Foto: Alberto Maia)