Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias / Câmara Municipal e Sebrae planejam união para estimular o empreendedorismo

Câmara Municipal e Sebrae planejam união para estimular o empreendedorismo

por Marcos Teixeira Wanderley publicado 26/10/2017 21h55, última modificação 27/10/2017 16h47

“O Brasil é um dos países mais empreendedores do mundo”, afirmou, na manhã de hoje, o diretor-superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Goiás (Sebrae – GO), Igor Montenegro Celestino Otto, na Tribuna Livre da Câmara Municipal de Goiânia. A visita foi a convite do presidente da Casa, o vereador Andrey Azeredo (PMDB). Igor Montenegro falou sobre empreendedorismo, micro e pequenas empresas, empregos, geração de renda, e propôs aos vereadores uma maior aproximação entre o Legislativo Municipal e o Sebrae para, juntos, estimularem e apoiarem o empreendedorismo nos bairros da Capital.

 

No último dia 9, durante visita institucional feita por Andrey à sede do Sebrae, quando foi feito o convite para falar na Tribuna Livre, o presidente solicitou que a instituição acompanhasse o projeto do Plano Diretor de Goiânia e sugeriu uma maior interação entre a Câmara e o Sebrae para tratar de projetos  do órgão que precisem ser avaliados pelos vereadores: “a Câmara está aberta. Sempre que algum projeto necessitar da regulação e do aval do Legislativo Municipal estaremos prontos para discutir em conjunto.”

 

 Na tribuna, o diretor-superintendente agradeceu o convite e disse, dirigindo-se ao presidente Andrey: “quero cumprimentá-lo efusivamente pelo trabalho que tem feito à frente dessa Casa, com muita capacidade e equilíbrio, e te dizer que é um honra tê-lo em nossos quadros. Os seus colegas do Sebrae ficam muito felizes e orgulhosos em vê-lo numa posição tão importante em Goiânia”. Em seguida, Igor Montenegro citou os cerca de 14 milhões de desempregados do País e declarou que “a melhor forma de geração de renda para a população é o empreendedorismo, que tem sido visto no mundo inteiro como a grande saída para a geração de trabalho e renda para as pessoas. No Brasil há cerca de 12 milhões de empreendedores formais, sendo que 98% destes são micro e pequenas empresas. Temos 6 milhões de empreendedores individuais e 6 milhões de micro e pequenas empresas. Somente 2% das empresas no Brasil são médias ou grandes. Por outro lado, estima-se que haja pelo menos 3 vezes mais empreendedores informais do que este total de formais, o que significa que o Brasil é um dos países mais empreendedores do mundo, segundo pesquisas internacionais. No País, 36% da população economicamente ativa é de empreendedores, ou seja: mais de um terço dos brasileiros são empreendedores, ao passo que, nos EUA, são 18%. Temos o desafio de dar força, suporte e apoio para essa massa de brasileiras e brasileiros.”

 

Câmara e Sebrae: juntos pelo empreendedorismo

 

Igor Montenegro falou, ainda, sobre a história do Sebrae, um serviço social autônomo como o Senai e o Senac, uma entidade privada sem fins lucrativos que trabalha capacitando e promovendo o desenvolvimento dos micro e pequenos negócios no Brasil desde 1972 para estimular o empreendedorismo, possibilitar a competitividade e a sustentabilidade desses empreendimentos. Ele ressaltou a programação do Mês da Micro e Pequena Empresa (outubro) em Goiás, citou o trabalho do órgão em cursos de cursos de capacitação, programas, consultorias gratuitas e especializadas e traçou um breve panorama das ações sociais e econômicas desenvolvidas. Ao fim de sua explanação, o diretor sentenciou: “não existe futuro para o empreendedorismo sem inovação e investimentos” e lembrou que Goiânia abriga mais de um terço de todos os empreendedores de Goiás. Nesse sentido, ele conclamou: “queremos fortalecer os laços, não só com a mesa diretora desta casa, presidida pelo vereador Andrey Azeredo, mas com todos os parlamentares, para que possamos, utilizando a força política de vocês e o conhecimento que têm da cidade, chegar a mais empreendedores com serviços e atendimentos de maneira descentralizada e itinerante. Colocamos toda a nossa equipe à disposição da Câmara.”

 

Empregos e renda para os goianienses  

 

Após a fala do diretor, Andrey Azeredo afirmou que “fazemos questão de estreitar essa parceria através da mesa diretora e de todos os vereadores. Vocês possuem a expertise nessa área e não há órgão com maior conhecimento para fomentar o empreendedorismo do que o Sebrae. Parabenizo vocês por terem sempre essa postura proativa e de levar informações e inovações a quem precisa. Desejo que possamos, aqui, através de proposituras dos vereadores, fomentar novos negócios, novas cadeias produtivas, e fazer com que o comércio local e o empreendedorismo gerem mais empregos e renda para Goiânia.”

 

Com informações da assessoria da presidência


registrado em: