Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias / Presidente autoriza reestruturação completa da TV Câmara

Presidente autoriza reestruturação completa da TV Câmara

por Marcos Teixeira Wanderley publicado 27/03/2018 16h50, última modificação 27/03/2018 16h56

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Andrey Azeredo, realizou uma reunião com todos os diretores da Casa para orientar sobre as prioridades deste segundo ano de gestão. O principal foco dos trabalhos será a reestruturação da Câmara.

Já começaram as instalações dos novos computadores, mais modernos e com processador mais rápido, além da nova rede de internet sem fio. Quem passa pela Câmara se depara com obras pelos corredores, instalação de cabos de rede e também fiação elétrica.

Mas a prioridade número 1 determinada pelo presidente, é a reestruturação da TV Câmara. A Diretoria de Comunicação já abriu processo para promover a licitação ainda neste semestre. O objetivo é trocar todas as câmeras, o sistema de transmissão e as ilhas de edição. Assim que o processo for finalizado a TV Câmara vai passar a operar em sinal digital e imagem HD.

Uma empresa de engenharia de comunicação já foi contratada no início deste mês pra elaborar o projeto da nova estrutura, determinando os pontos de instalação dos equipamentos, os locais onde devem passar os cabos de fibra óptica além também da instalação de câmeras robóticas no plenário que vão somar com as câmeras operadas por cinegrafistas, pra melhorar a qualidade das transmissões.

A empresa tem até o dia 10 de abril pra entregar o projeto. Se for aprovado, o edital para a licitação será lançado ainda no mês de abril. Apesar da prioridade, o processo corre dentro dos trâmites que permitem transparência e lisura, sem atropelar o que diz a lei de licitações.

Planejamento estratégico

O planejamento da Presidência da Câmara e da Diretoria de Comunicação é finalizar este processo até o mês de maio, para que os equipamentos cheguem na Casa em junho e sejam instalados no recesso parlamentar que acontece em julho.

Com esse planejamento a estratégia é não atrapalhar o funcionamento da TV Câmara, que opera atualmente com equipamentos próprios, mas adquiridos há cerca de 10 anos.

Profissionais

Vale lembrar que no ano passado a TV Câmara recebeu novos profissionais que passaram no concurso de 2006. A nomeação aconteceu depois de TAC com o Ministério Público Estadual. Chegaram novos jornalistas, e técnicos como operadores e editores.

Na semana passada foi sanciona a lei que autoriza a realização de concurso público e prevê vagas para a comunicação da Câmara. “O trabalho é importante para a divulgação do trabalho legislativo e dá maior transparência as aço dos 35 vereadores de Goiânia e, principalmente, bem informar a população goianiense” concluiu o presidente Andrey Azeredo.

registrado em: