Você está aqui: Página Inicial / Sala de Imprensa / Notícias / Presidente da Câmara participa de reunião sobre retomada das obras do BRT

Presidente da Câmara participa de reunião sobre retomada das obras do BRT

por Marcos Teixeira Wanderley publicado 29/01/2018 16h25, última modificação 29/01/2018 16h25

     O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, vereador Andrey Azeredo (MDB), participou, na manhã desta segunda-feira, 29, de uma reunião no Paço Municipal com o prefeito Iris Rezende (MDB), o ministro das Cidades Alexandre Baldy, o deputado federal Daniel Vilela (MDB) e o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Gilberto Occhi, sobre a retomada, nos próximos dias, das obras do Bus Rapid Transit (BRT) Norte-Sul. 

 

     O reinício dos trabalhos ainda não tem data exata definida, mas deverá acontecer nos próximos dias, conforme afirmou o ministro Alexandre Baldy. O encontro, que teve o objetivo de destravar a obra, paralisada desde julho do ano passado devido a problemas burocráticos em órgãos do governo federal, como o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Controladoria Geral da União (CGU), começou às 8h15 e reuniu também os vereadores Delegado Eduardo Prado (PV), Paulo Magalhães (PSD), Sargento Novandir (PTN), Emilson Pereira (PTN) e Paulinho Graus (PDT), além de secretários municipais. 

 

    “A retomada das obras do BRT é uma vitória para a Capital e espero que aconteça o quanto antes. As pessoas merecem a Goiânia dos nossos sonhos,aquela na qual exista um transporte público de qualidade. Temos que melhorar com urgência o ir e vir da nossa população, modernizar o sistema e planejar conjuntamente trânsito e transporte. A Câmara Municipal continuará defendendo essa causa, acompanhando, fiscalizando e ajudando a Prefeitura no que for necessário”, garantiu Andrey Azeredo.  

 

      Após o reinício das atividades, a expectativa da Prefeitura é de que em dois anos os 21,7 quilômetros do BRT sejam entregues à população. O corredor preferencial deverá garantir acesso rápido a mais de 120 mil usuários do transporte coletivo da Capital e de Aparecida de Goiânia às regiões Norte e Sul de Goiânia com veículos articulados, seis terminais de integração (Correios, Rodoviária, Perimetral, Isidória, Recanto do Bosque e Cruzeiro) e 40 estações de embarque e desembarque.

 

     Obras essenciais 

 

     Em 27 de novembro do ano passado, Andrey Azeredo participou da primeira reunião de Alexandre Baldy, logo após sua  posse no Ministério das Cidades, com o prefeito Iris para tratar do BRT. Na ocasião, o presidente destacou a importância de serem retomadas também outras obras infraestruturais determinantes para a Capital: “Temos a Marginal Cascavel, obra que já tem mais de vinte anos, a Marginal Botafogo, a ponte da avenida Alpes, iniciada pelo prefeito Iris mas parada por questões burocráticas, a Leste Oeste, o desvio da BR 153 ligando Aparecida a Goiânia, enfim, precisamos destravar isso e dar sequência porque são obras que vão melhorar a nossa mobilidade.” 


Com informações da assessoria de imprensa da Presidência

registrado em: