Câmara Municipal homenageia IFG pelos 109 anos da instituição e 10 anos dos institutos federais

por Paulo Henrique Galves da Silva publicado 18/09/2018 15h55, última modificação 19/09/2018 09h03

A Câmara Municipal de Goiânia vai realizar, por iniciativa do vereador Andrey Azeredo (MDB), na próxima segunda-feira, 24 de setembro, às 19h30, no Plenário Trajano Guimarães, uma Sessão Especial em homenagem ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) pelos 109 anos de atuação na Educação Profissional, Científica e Tecnológica e 10 anos dos institutos federais. No evento, que será aberto para a sociedade, serão homenageados integrantes da comunidade acadêmica e personalidades ligadas à trajetória da instituição.

Na solicitação apresentada formalmente por Andrey Azeredo, que é o presidente da Câmara, a Sessão honrará “os 109 anos de atuação do IFG na Educação Profissional, Científica e Tecnológica, iniciados em 1909 com a Escola de Aprendizes Artífices, e os 10 anos da transformação da Instituição em instituto federal, autarquia da União vinculada ao Ministério da Educação e que surgiu com a Lei 11.892 de 29 de dezembro de 2008.”

Um século de História

A Escola de Aprendizes Artífices foi criada em 1909 em Vila Boa, antiga capital do Estado e atual cidade de Goiás. Em 5 de julho de 1942, com o Batismo Cultural da nova Capital, surgia a Escola Técnica de Goiânia, que, em 1965, tornou-se a Escola Técnica Federal de Goiás. Em 1999, a instituição foi alçada a Centro Federal de Educação Tecnológica de Goiás (CEFET) e, em 2008, transformada em Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG).

Beleza arquitetônica da Capital

A unidade mais antiga do IFG, chamada de Câmpus Goiânia, também integra o patrimônio histórico de Goiânia. O pórtico e parte de um dos prédios daquela unidade foram tombados como patrimônio histórico pelo Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (IPHAN), em 2003, e compõem o acervo arquitetônico e urbanístico Art Déco de Goiânia. O Câmpus Goiânia é, ainda, tombado como um dos 24 bens culturais materiais da cidade conforme Decreto nº 4.943 (31 de agosto de 1998) expedido pelo Governo de Goiás por meio da Fundação Cultural Pedro Ludovico.

Além desta unidade, o IFG possui outra na Capital, o Câmpus Goiânia Oeste. No total, são 14 câmpus em Goiás ofertando educação pública com cursos gratuitos, sendo eles: cursos técnicos integrados ao Ensino Médio, cursos técnicos subsequentes, cursos técnicos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), cursos de graduação e cursos de pós-graduação, além de cursos de formação inicial e continuada.

Serviço

Câmara Municipal de Goiânia
Assunto: Sessão Especial em homenagem ao Instituto Federal de Goiás (IFG) pelos 109 anos de atuação na Educação Profissional, Científica e Tecnológica e 10 anos dos institutos federais
Data: segunda-feira, 24/9/2018
Horário: 19h30
Local: Plenário da Câmara
Endereço: Avenida Goiás, 2001, setor Central

(*) Matéria produzida pela jornalista Polliana Martins

registrado em: